Control Quality

Facebook

Dispensação de antimicrobianos

Categorias:

Conselho Federal de Farmácia orienta na publicação nº 542, de 19 de janeiro de 2011 as atribuições do farmacêutico na dispensação e controle de antimicrobianos, contemplando a orientação necessária ao correto procedimento previsto na RDC 44/10, da ANVISA, que não prevê a prestação dos serviços profissionais que compõem a assistência farmacêutica, no momento da dispensação de antimicrobianos.
Na Resolução está previsto que, no ato da dispensação de qualquer antimicrobiano, incluindo os injetáveis.O farmacêutico deve explicar, clara e detalhadamente, ao paciente o benefício do tratamento e se certificar de que o mesmo não apresenta dúvidas a respeito do motivo da prescrição, contra-indicações e precauções, posologia (dosagem, dose, forma farmacêutica, técnica, via e horários de administração), modo de ação, reações adversas e interações, duração do tratamento, condições de conservação, guarda e descarte e, após a orientação, o farmacêutico deve registrar o ato no SMSF (Sistema de Monitoramento de Serviços Farmacêuticos), que pode ser acessado online pelo site do CFF – www.cff.org.br. A segunda via do registro ou da declaração dos serviços deve ser entregue ao paciente.
FONTE: CFF

LEIA TAMBÉM: