Control Quality

Facebook

Óleo de árvore do Marrocos ajuda a hidratar cabelos, unhas e pele

Categorias:



Um óleo extraído do fruto de uma árvore espinhosa originária do sudoeste do Marrocos tem atraído a indústria de cosméticos e ajudado muitas mulheres a deixar cabelos, unhas e pele mais hidratados. O óleo de argan, como é conhecido, contém ácidos graxos, antioxidantes e altas doses de vitamina E que promovem a renovação celular.
Por conta disso, o produto serve para tratar desde cicatrizes de acne, eczemas e estrias até queimaduras solares. Nas unhas, vem em forma de creme (com concentração de até 5%) para passar ao redor das cutículas, o que fortalece a queratina e previne que pelezinhas se soltem dos dedos. É ideal para quem tem unhas fracas e quebradiças.
De acordo com a cabeleireira e cosmetóloga Cris Dios, que tem salão em São Paulo, o argan é um "curinga", pois serve para várias coisas. “Pode passar antes de ir à praia e é indicado para todos os tipos de cabelos. Os mais oleosos, porém, têm que usar menos, e só nas pontas”, destaca.Já nos cabelos, onde tem sido amplamente aplicado, o argan ajuda a controlar o volume e o frizz, dá mais brilho, refaz a "escama" em fios quebrados e os protege dos efeitos nocivos do sol, do mar e do cloro da piscina.
Com o boom desse óleo, completa a cabeleireira, a pessoa só tem que tomar cuidado com a procedência e a porcentagem, senão não faz efeito.
Cris costuma adicionar o produto em tinturas e leave-in (de quatro a cinco gotas) e alerta que deve ser mantida uma distância segura do couro cabeludo – de dois a três dedos.
Segundo a dermatologista Márcia Purceli, do Hospital Israelita Albert Einstein, as mulheres só devem tomar cuidado para não exagerar na dose e tornar os cabelos muito oleosos. "Recomendo manipular o produto, com concentração de até 3%. Dá para passar uma vez por dia, adicionando uma ou duas gotas em cremes condicionadores ou para pentear", diz. Essa mistura deve ser feita na hora do banho, já com a quantidade de creme usada para aquela vez.
"Os resultados nos fios aparecem em uma semana. Nas unhas demora mais, porque elas crescem mais devagar", explica Márcia.A médica afirma que manipular cerca de 5 ml de óleo de argan sai por até R$ 90 e que há leave-in desse tipo por cerca de R$ 40, o que pode durar um mês ou mais. Também dá para fazer uma "máscara" nos cabelos e deixá-la por 10 a 15 minutos.
No mercado em geral, a concentração dos produtos varia de 2% a 20%, dependendo da finalidade. E, quanto maior a dose, mais alto o preço.
Algumas marcas de cosméticos do país já começam a lançar linhas à base de óleo de argan. São xampus, condicionadores, cremes de tratamento e para pentear que prometem nutrir os fios.

FONTE: G1

LEIA TAMBÉM: