Control Quality

Facebook

Nova ferramenta fornece diagnóstico de doenças em 15 minutos

Categorias:

Pesquisadores do Sandia National Laboratories, nos Estados Unidos, desenvolveram um dispositivo capaz de fornecer diagnóstico mais rápido, barato e versátil do que equipamentos médicos similares.
A tecnologia SpinDx pode determinar a contagem das células brancas do sangue de um paciente, analisar marcadores de proteínas importantes e processar até 64 testes em uma única amostra, tudo em questão de minutos.
"Nos dias de hoje, os pacientes vão a consultas médicas, realizam exames e tem que esperar semanas pelo resultados. Com SpinDx, você pode ver os resultados antes mesmo de sair do consultório", afirma o pesquisador Anup Singh.
Segundo os pesquisadores, os avanços tecnológicos de SpinDx têm profundas implicações para o cuidado do paciente. Ataques cardíacos, derrames, infecções, certos cânceres e outras doenças podem ser detectadas em dias ou semanas mais cedo do que são hoje, sem novos custos.
SpinDx
A plataforma necessita de uma pequena amostra de sangue, coletada a partir de uma picada de agulha no dedo.
O aparelho utiliza um disco giratório, parecido com um leitor de CD, para manipular uma amostra. Os discos contêm reagentes comercialmente disponíveis e anticorpos específicos para cada marcador de proteína que indicam a presença de doenças.
Além de barata, a tecnologia pode ser personalizada por meio da escolha de um "disco cardíaco", "disco imune" e outras opções semelhantes.
O tempo de resposta é muito rápido. Os resultados podem ser entregues para o computador do médico em 15 minutos.
"Nós conseguimos prever os médicos usando SpinDx rotineiramente. Em vez de painéis padronizados de exames de sangue e testes laboratoriais caros, um disco SpinDx seria processado ainda no consultório, enquanto o médico avaliava outros fatores como temperatura e pressão arterial", afirma o pesquisador Greg Sommer.
A equipe adaptou recentemente a plataforma para permitir o diagnóstico de toxinas e infecções alimentares. De acordo com os pesquisadores, o dispositivo pode ser o método mais preciso disponível para a detecção da toxina botulínica.
O objetivo dos cientistas é criar um dispositivo portátil que possa ser utilizado no serviço de emergência.
Eles estão desenvolvendo um protótipo desdobrável para dar início a testes mais elaborados. "Nós fizemos a maior parte de nossos testes em um ambiente de laboratório, onde colocamos a amostra no disco e depois analisamos em um microscópio. O próximo passo é automatizar esse processo e levar o sistema para a prática clínica. SpinDx tem um grande potencial para muitas aplicações", conclui Sommer.
FONTE: R7

LEIA TAMBÉM: